1º Tango ABC 23/09/2017 Aulas, shows, baile.
D. de Salão aos Domingos.
Destaques e Promoções
Formação de profs. em Dança de Salão.
Ainda da tempo de iniciar... Setembro de 2017 - Formação nível Técnico profissionalizante e Internacional pela CID. Unesco, Paris. Voltado para estudantes "em curso" quanto para profissionai... Ver Mais
1º Tango ABC Conexão Brasil Argentina...
Workshops, apresentações, baile com três horas de musica ao vivo mais DJ nas cortinas de Ritmos de Danças de Salão. Sábado dia 23 de Setembro de 2017.... Ver Mais
A Dança dos Noivos, Surpreenda!
A dança dos noivos é certamente um dos momentos mais esperado de uma festa de casamento, e também o ponto alto da celebração da união entre um casal. Aulas particulares em salas privativas c... Ver Mais
desde 1988 ensinando a arte de dançar.
Menu Principal
Newsletter
Receba novidades do Studio Renato Mota periodicamente. Cadastre-se agora.
 Nome:
 E-mail:

MEMBRO DO:
 
Dança trabalha o corpo sem monotonia
Realizar movimentos repetitivos diariamente, sem ânimo e sem novos atrativos, é chato e desestimulante. Por culpa da monotonia, muitas pessoas largam a academia e perdem a chance de ganhar uma saúde melhor. Se, para seguir em frente, é preciso encontrar um esporte que agrade, a dança surge como a melhor solução e é consenso entre fisiologistas e professores de Educação Física. Lúdica, animada, com ritmo controlado pelo praticante e boa para a saúde física e mental, a dança pode ser tão benéfica para o indivíduo que precisa emagrecer e ganhar tônus muscular quanto para uma senhora em busca de momentos de relaxamento.

“Excelente, a dança mexe com o corpo inteiro de forma a não colocá-lo em risco”, explica Renato Romani, médico do esporte e pesquisador do Centro de Estudos de Medicina da Atividade Física e do Esporte da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Como a atividade é extremamente lúdica e unicamente controlada pelo próprio corpo, o indivíduo pode parar de praticá-la imediatamente caso se sinta cansado demais. È por conta dessa vantagem que a dança pode ser seguida até por sedentários

Está ofegante? É só reduzir o ritmo ou parar, sem a preocupação de ter de terminar uma série ou sair machucado ou com dor. Na dança, sem perceber, pratica-se o autocontrole.

A dança pode ajudar a emagrecer, reduzir o nível de colesterol e trabalhar o sistema cardiovascular, desde que sejam respeitados os níveis adequados de trabalho aeróbico de cada indivíduo. “Trabalhamos a coordenação, o ritmo, a consciência corporal, a flexibilidade e a força, entre outros aspectos que envolvem o corpo”, afirma Aline Nogueira Haas, professora da Faculdade de Educação Física e Ciências do Desporto da Pontifícia Universidade  Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS)nas disciplinas de Expressão Corporal e fundamental na Atividade Rítmica e Dança, e coordenadora e professora do Curso de Especialização em Dança da mesma universidade.

Além desses benefícios, Alina Haas lembra que a dança também pode auxiliar na melhora da auto estima e da auto imagem do indivíduo. Dançando, o praticante se sente melhor, mais alegre e com mais energia para realizar as atividades da vida diária. “A dança ajuda a espairecer e funciona como uma hora da pessoa com  ela mesma, complementa Renato Romani. Embora o gasto energético e o trabalho cardiovascular proporcionados pela dança dependam do ritmo e estilo escolhidos- axé é mais rigoroso que a dança de salão-, nos exemplos mais simples os resultados são positivos para a saúde.

“Até mesmo uma aula de valsa é excelente, pois, durante o período em que se realiza a atividade, existe um deslocamento e é gerado um movimento”, analisa o especialista. De uma única vez, a dança faz o indivíduo evoluir física e tecnicamente. Apesar de não existir um limite de dias para se praticar, Renato Romani sugere combinar três vezes por semana de aula de dança com dois de caminhada. É claro que, para chegar a dançar ritmos nordestinos mais agitados, como axé, é preciso estar muito bem condicionado e ter um nível de intensidade que não vai ocorrer da noite para o dia. “Primeiro é preciso muito treino para depois participar de torneios ou pular feito um dançarino profissional”, orienta. 
 
 Qual estilo fazer – Não existe a dança mais apropriada, pois a atividade proporciona benefícios físicos, psíquicos e sociais de forma geral. Aline Haas enumera muitos estilos, como dança de salão, balé clássico, dança moderna, dança contemporânea, jazz, danças folclóricas, street dance e dança do ventre entre as boas opções .”O indivíduo deve escolher o estilo com o qual se identifique mais”, sugere.Para fazer a atividade render mais, o melhor é ter a orientação de um  profissional.Embora ocorra mais por lazer e divertimento, a dança despretensiosa  alegra a mente e distrai, tornando a atividade altamente prazerosa. No entanto, a dança pode ser um risco para que sofre de osteoporose, reumatismo, problemas nas articulações ou na coluna de forma geral.”Com o ânimo, uma senhora de 70 anos

com osteoporose pode levar um tombo e acabar sofrendo as conseqüências”, explica Renato Romani. Para evitar problemas, a recomendação é passar previamente por um ortopedista ou reumatologista e conversar com o professor para saber qual o tipo de dança e aula é mais apropriado para o problema em questão. 
 
Biodança ganha espaço 
 
O termo significa “dança da vida” e foi criado pelo antropólogo e poeta chileno Rolando Toro Arañeda, que buscava trabalhar a evolução física, mental e emocional por meio da dança, do canto e do contato entre indivíduos. Com o tempo, a biodança foi ganhando espaço e, hoje, é muito usada por profissionais que desejam tratar problemas como a timidez, obesidade e dependência química, indicada por proporcionar desenvolvimento mental e emocional por meio de movimentos induzidos pela  música, a biodança estimula o sistema límbico hipotalâmico, que controla as vivências, emoções, impulsos e instintos. A Técnica pode ser praticada por qualquer pessoa, independentemente da idade, com melhorias físicas, psíquicas e sociais.

Abaixo, veja o vídeo que separamos especialmente para você!





Se quiser ver mais reportagens, clique aqui

  Principal
Quem Somos
Cursos e Aulas
O que fazemos
Localização
Últimas Notícias
Perguntas Frequentes
Contato
  Outros
Depoimentos
Sapatos e Sandálias
Agenda de bailes
Video aulas didáticos
Curso de Formação
Promoções da Semana
  Aulas
Dança de Salão
Country, Sertanejo e Forró
Soltinho
Tango Milongueiro, Salão e Novo
Salsa, Zouk, Bachata e Merengue
Valsa Vienense
Pagode , Samba Rock e Gafieira
  Redes Sociais

Empresas do Grupo
Loja Virtual, Renato Mota. Acessem! Acesse Agenciados: Arte, Moda e Beleza! Acesse Formação em Dança de Salão!
© Studio de dança Renato Mota · Escola de Dança em Santo André - ABC - São Paulo. Aulas, cursos, shows, Dança de Salão. Todos os direitos reservados. · by AGENCIA GIGA!